4 preceitos básicos de marketing para liderar as vendas

A arte de fazer marketing acadêmico prático, sensato e voltado para resultados nas vendas vem do respeito às limitações de cada Empresa, das suas Equipes e do perfil do público alvo definido na abertura do negócio e (re) adequado no planejamento estratégico.

Buscar uma combinação perfeita entre estes fatores é mister, pois acreditar que apenas os pontos fortes fazem a diferença sem o devido reconhecimento do perfil do público alvo, coloca a estratégia à prova de fogo e, ela será reprovada.

Empresas que vendem descontos e entregam produtos, como as de móveis e eletrodomésticos são exemplos claros dessa ausência de planejamento. Evidentemente, não são todas, mas algumas, colocam propagandas chamativas, com uma poluição visual e sonora, absurdamente chocantes e mesclam plágio com sátira, que não levam a nada, simplesmente ao gasto desnecessário com este tipo de campanha.

Todas as organizações (TODAS) deveriam seguir preceitos básicos de marketing em conjunto com as vendas. São dezenas, mas neste momento apenas 4 serão descritas.

A escolha de apenas 4 preceitos foi por se tratar de um número que representa muita segurança (e também para não tornar esse artigo muito cansativo).

  • 4 são os suportes de uma mesa,
  • 4 são os principais pilares em uma obra de engenharia,
  • 4 são as extremidades do corpo que nos colocam bem próximo aos clientes (2 pés e duas mãos),
  • 4 são os pontos cardeais que nos orientam e
  • 4 são os princípios do marketing.

Inovação:

Novas abordagens necessitam ser desenvolvidas continuamente, assim como novas formas de argumentação com o cliente: Identificar, criar e agir em oportunidades que só perceberemos estando muito atentos aos movimentos e as dicas que o cliente nos dá no momento de contato.

Enio Carvalho afirmou em uma das nossas conversas: Sem vendas a empresa não vive e sem marketing não sobrevive.

Desta forma podemos refletir sobre os processos de inovação.

Se a meta é manter a empresa nos seus mercados, sadia e com processos e programas de fidelização temos que recorrer ao marketing, buscar ideias, estratégias, encontrar de maneira inovadora a melhor estratégia e tática de fidelização, assim este conceito provará mais uma vez que apenas inovando os mercados serão abertos e conservados.

Inspiração:

Qual deve ser a maior inspiração para as empresas?

E não existe dúvida que é atender aos desejos e necessidades dos seus clientes,afinal não existe inspiração sem uma finalidade.

Monet, em seus traços desfocados encantava um grupo de admiradores, Beethoven encantava com suas notas musicais, mas nenhum dos dois nunca quis encantar a todos, apenas a um público definido.

Segundo Kotler: “No Marketing empreendedor: a maioria das empresas é fundada por indivíduos perspicazes. Eles percebem uma oportunidade e saem batendo de porta em porta a fim de chamar a atenção para seu produto”.

Perceba que esta afirmação diz, claramente, que sem inspiração não se pode ser inovador e sem as duas não é possível vender.

Impacto:

Imagine agora o somatório da inovação com a inspiração, teremos uma estratégia de impacto, e disso gostam os clientes, de serem impactados com estratégias diferenciadas, inovadoras, agradáveis.

Os clientes compram não pela necessidade ou benefício dos produtos, compram pela experiência que o ato da compra proporciona. Vamos deixar de lado a ideia de cumprir metas por cumprir, vamos estimular resultados em fidelização e satisfação dos clientes pelo impacto.

Ser servidor é ser muito mais que um bom funcionário, é ser um vendedor de impacto. O grande negócio é a inovação no desenvolvimento do relacionamento com os clientes. Eu chamo isso de TRANSPIRAÇÃO.

Integração:

Valores de trabalho em conjunto: saber que um pode contar com o outro, que cada cliente merece ser atendido por todos da empresa, respeito a Ética e Integridade, Coragem para falar sempre a verdade ao cliente e Auto-avaliação para que os resultados sejam sempre crescentes. Não basta conhecer, tem que praticar.

“Não durma no ponto ou na venda simplesmente pela venda ou pelo emprego, olhos nos olhos dos clientes, marcas devem ser para sempre”. Sem um entendimento e integração entre as equipes de vendas e marketing, as estratégias serão vazias.

Desejo excelentes negócios, boas vendas e um feliz caminho à fidelização, lembrando sempre que o caminho do sucesso empresarial vem do marketing e pelo treinamento seremos sempre melhores.

Estou esperando sua participação. Escreva para nós, leia as outras colunas, comente, dê a sua sugestão de tema para pesquisarmos. Estou aguardando os seus comentários > professorfreire2008@gmail.com

FAÇA PARTE DO PROJETO

O Implantando Marketing visa a união dos profissionais das áreas de Marketing e Comunicação Empresarial e busca formas de divulgação e crescimento dessas áreas através da Implantação de Departamentos de Marketing e Comunicação em pequenas e médias empresas. Para isso, compartilhamos experiências e conhecimentos necessários aos profissionais e empreendedores que querem se beneficiar dessa Implantação. Envie o seu currículo e escolha um dos núcleos do projeto.

Deixe um comentário