A importância da especialização para sucesso na carreira

À medida que o mercado e indústria se expandiram ao longo do último século, junto a essa mudança, o que se viu foi a necessidade de uma força de trabalho especializada que possa colaborar de maneira eficaz e falar uma linguagem comum para concluir projetos e cumprir os prazos como uma equipe.

Tal necessidade crescente de colaboração também estimulou a necessidade de padronização. Por exemplo, os funcionários que trabalham nos departamentos de marketing, vendas, comunicação, geralmente dependem uns dos outros para concluir diferentes aspectos das estratégias, de forma que seu trabalho coletivo seja bem-sucedido.

Para fazer isso, os membros da equipe devem falar a mesma “linguagem”, técnicas e entender as melhores práticas da estratégia e modelo de negócio nas empresa em que trabalham.

Como resposta a essa necessidade, muitas certificações profissionais foram desenvolvidas ao longo das últimas décadas para garantir uma especialização que se aprofunda, e que muitas das vezes não é abordada em alto nível na educação universitária.

Experiência de trabalho x certificações

Diversas vezes escuto: “Por que a necessidade de certificações profissionais, quando se pode obter essa profundidade de compreensão enquanto trabalha no trabalho?” Indiscutivelmente, aprender no trabalho ainda é uma experiência altamente desejável e explorado por candidatos e empregadores.

É comum na época de graduação, grande parte de graduados trabalharem em empregos não remunerados a fim de adquirir experiência de trabalho em seus currículos. No entanto, tanto a experiência de trabalho quanto as certificações adicionam um valor próprio que não pode ser comparado.

É por isso que abandonar um em função do outro, costuma deixar alunos e profissionais com um “buraco” que pode ser difícil de preencher novamente ou tempo hábil na carreira para se atualizar em meio a tantas mudanças em um mercado que cresce a cada ano que passa.

Embora a experiência de trabalho possa mostrar a um recrutador se um candidato pode lidar com ambientes de trabalho difíceis, cumprir prazos e trabalhar bem dentro de uma equipe, as certificações profissionais demonstram a profundidade de compreensão de um indivíduo em uma estrutura do setor ou algo que se espera dele.

A desvantagem de se concentrar na experiência

Para simplificar; a experiência de trabalho pode treinar alguém para executar determinadas tarefas, mas isso não significa necessariamente que um indivíduo tenha adquirido o tipo certo de conhecimento, especialmente no campo de marketing digital em constante mudança.

Por exemplo, ao estruturar uma campanha de email marketing, a automação pode ser feita de maneiras diferentes. Um profissional de marketing que está aprendendo estritamente no trabalho, não pode dizer se os processos aprendidos em uma organização são a “melhor prática” para outra.

No final do dia, o seu trabalho pode criar uma aplicação funcional, mas a sua abordagem e performance pode deixar a desejar com algumas teorias e técnicas necessárias além do que aprendido na própria empresa. Costumo chamar de “vício da rotina”.

Uma certificação, por outro lado, significa que um indivíduo não apenas sabe como entregar um resultado final que passa no teste de aderência à necessidade e objetivos, mas também fornece um valor real e de longo prazo a uma organização.

Ambos, os funcionários e a organização se beneficiam dessa situação porque a empresa obtém resultados consistentes e o funcionário pode ampliar sua compreensão aprendendo de maneira estruturada, em vez de descobrir constantemente soluções para corrigir erros.

Benefícios da Certificação Profissional

Deixando de lado a experiência de trabalho versus debate de certificações, existem outros benefícios de certificações para funcionários e recrutadores. Vou listar alguns abaixo:

* Apreciação pelo Campo: Qualquer pessoa pode trabalhar no mesmo campo por 10 ou 20 anos. Um salário fixo e segurança no emprego são muitas vezes suficientes para muitas pessoas ficarem com a mesma indústria ou empresa apenas para pagar as contas e economizar para a aposentadoria. Mas quando um indivíduo investe seu esforço e dinheiro em uma certificação profissional, está mostrando que não quer apenas um emprego, mas quer construir uma carreira no mercado. Na maioria das vezes, poucas pessoas desperdiçam horas e dinheiro para fazer um trabalho que não gostam.

* Entendimento mais aprofundado: Um processo de certificação é geralmente desenvolvido por uma equipe de profissionais do setor que têm décadas de experiência e, em muitos casos, estão intimamente envolvidos em projetos de sucesso ou processos a partir do zero. Isso garante que um indivíduo receba uma abordagem de aprendizagem coletiva, por assim dizer, onde os envolvidos no projeto de um currículo tenham fornecido verificações e equilíbrios suficientes ao processo para garantir que os candidatos aprendam as melhores práticas do setor – não apenas a ideia de uma pessoa.

* Mantendo-se atualizado: Além disso, os tópicos de treinamento e continuação de certificação geralmente são refinados regularmente para garantir que qualquer pessoa que pratique esteja sempre a par das tendências e desenvolvimentos mais recentes. E, em muitos casos, a sequência do foi aprendido no curso é necessária através de estudos e aplicação.

Conclusão

Na minha jornada eu tive a felicidade de vivenciar os dois lados. Aprendi muito fazendo estágio com remuneração simbólica em empresas que foram importantes fontes de aprendizado, outras nem tanto.

Ao mesmo tempo procurei realizar cursos e certificações que fizeram diferença em determinado momento da carreira. Principalmente para evoluir com meu aprendizado e funções que demandam conhecimento teórico, técnico e prático.

Foi assim quando me dei de presente de natal a Certificação do Google Analytics. Quanta coisa mudou de lá para cá. Muitas portas se abriram; seja no ambiente profissional, seja no ambiente intelectual. Muitas vezes uma certificação vai abrir seu intelecto, para que possa adquirir outras abordagens e caminhos que em algum momento você não tinha ideia que poderia conseguir.

Para fechar, fica minha recordação quando eu tinha 9 anos e encerrava um ciclo na Escola. Na ocasião da formatura de 4ª série, falei para minha mãe que por “coincidência” é professora: “Mãe, falta pouco para eu evoluir até a universidade e não precisar estudar mais!”. Lembro como se fosse ontem, ela com seu sorriso confortante dizendo: “Filho, você vai estudar para sempre”.

E você? Qual sua experiência em relação à especialização e prática na carreira?

Será um imenso prazer ouvir suas experiências e bater um papo sobre :)

FAÇA PARTE DO PROJETO

O Implantando Marketing visa a união dos profissionais das áreas de Marketing e Comunicação Empresarial e busca formas de divulgação e crescimento dessas áreas através da Implantação de Departamentos de Marketing e Comunicação em pequenas e médias empresas. Para isso, compartilhamos experiências e conhecimentos necessários aos profissionais e empreendedores que querem se beneficiar dessa Implantação. Envie o seu currículo e escolha um dos núcleos do projeto.

Deixe um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

1 comment

  1. Rosane Barbosa

    Olá, a minha experiência com experiência no trabalho e certificação, estou fazendo um curso ead de marketing digital e, é muito bom porque o seu horizonte amplia e, estou fazendo algumas consultorias e isso, está abrindo muito a minha cabeça. Infelizmente, ainda estou procurando uma empresa que me contrate para, eu realmente trabalhar na área mas, enquanto isto não acontece, estou me aperfeiçoando com estas consultorias particulares que estou fazendo.
    Ótimo artigo.