Somos brasileiros. Apaixonados por futebol. E vamos, depois de muitas décadas, sediar a Copa do Mundo em 2014. Desde que essa notícia foi anunciada, o mundo não tira os olhos de nós e o País inteiro se prepara para o Mundial. Os governos, as empresas, os profissionais, todos em busca de preparar o terreno para promover um grandioso e brilhante evento.

Você pode estar se perguntando: mas e todos os problemas que se apresentam dia a dia nos jornais, nas conversas entre amigos, na internet? Aeroportos, hotéis, mobilidade, estádios, entre tantos outros temas, aparecem como questões cruciais e que não estão resolvidas. Sim, temos muito trabalho ainda pela frente, mas eu acredito no governo e na iniciativa privada, seja com os investimentos que estão sendo feitos, seja pela capacidade que os técnicos e gestores brasileiros têm para realizar as obras necessárias e deixar o Brasil pronto a tempo.

Eu concordo com o comercial da Brahma, primeiro que vi que resolveu apresentar o lado positivo da Copa do Mundo. Não podemos deixar que a nossa descrença nos políticos e os escândalos, e o transporte que ainda não nos atende, e as filas nos aeroportos, sejam maiores do que a nossa vontade em mostrar que podemos ir além, que somos capazes, que já fizemos e fazemos tanto que não serão esses problemas que nos derrubarão.

Um evento como a Copa do Mundo pode trazer muitos benefícios. Empregos foram gerados e serão ainda mais com a aproximação da realização. As marcas têm uma excelente oportunidade para explorar, seremos vitrine durante um bom tempo e poderemos colher frutos por ainda muito tempo após o apito final.

Acho que principalmente nós, profissionais da comunicação e marketing, precisamos enxergar não aquilo que pode dar errado – e que no final, mesmo que seja com o jeitinho brasileiro, dará certo – e sim no amplo mercado que se abre, no público brasileiro e de cada canto do planeta, que se mobiliza, que veste a camisa e torce, que se permite alegrar mesmo no meio do turbilhão de problemas que precisam de soluções.

A criatividade de apresentar o lado positivo, de conquistar, de se destacar. Vamos olhar para trás e nos lembrar de tudo que já realizamos. Eu estive na Rio+20 e Cúpula dos Povos e fiquei muito admirada com a organização, com os voluntários, com a estrutura de transporte e dos vários locais espalhados pela cidade que recebam milhares de pessoas e onde tudo funcionou muito bem.

É isso, não podemos perder essa oportunidade que sabe-se lá quando teremos novamente. É hora de mostrarmos ao mundo a Marca Brasil, verde e amarela, repleta de um povo trabalhador, e de empresas que não deixam a desejar para nenhuma outra do mundo. Ah, e claro, torcer para que a taça do mundo seja, mais uma vez, nossa.

Comente!
Sua participação é muito importante para nós do projeto Implantando Marketing.

FAÇA PARTE DO PROJETO

O Implantando Marketing visa a união dos profissionais das áreas de Marketing e Comunicação Empresarial e busca formas de divulgação e crescimento dessas áreas através da Implantação de Departamentos de Marketing e Comunicação em pequenas e médias empresas. Para isso, compartilhamos experiências e conhecimentos necessários aos profissionais e empreendedores que querem se beneficiar dessa Implantação. Envie o seu currículo e escolha um dos núcleos do projeto.

Leave a Reply to Isabel Gareta Cancel Reply

4 comments

  1. Verdade Paula, esses eventos esportivos precisam ser transformados em grandes oportunidades!

    O desafio foi lançado, agora é trabalhar!!

    • Paula Bortolini

      pois é priscila, precisamos aproveitar mesmo essas oportunidades!

  2. Isabel Gareta

    Me encanta ler sobre isto! Pode acreditar que na Espanha a Marca Brasil está aparecendo e com muita freqüência, o mundo inteiro estamos com os olhos no Brasil e com muita vontade de que chegue o Mundial e os JJOO de Rio para ver o resultado do esforço que implica issos 2 grandes eventos!

    Saludos desde España

    • Paula Bortolini

      hola isabel! que bom saber que de longe vocês também estão ansiosos pela chegada do Mundial! Saludos!