AIDA: Afinal, o que isso quer dizer?

Olá amigos(as) leitores(as), sejam todos(as) muito bem vindos(as) novamente! Hoje me deparei com uma sigla interessante que desejo dividir aqui com vocês, a chamada AIDA. Então, vamos la! No universo de análise do comportamento humano são inúmeras as formas de traduzir e tentar entender o que cada indivíduo quer. No meio digital, surge a AIDA. Técnica de Marketing baseada em Atração, Interesse, Desejo e Ação. 

É um conceito considerado muito importante para quem trabalha com marketing digital, já que o design da página deve obedecer cada um dos passos. Esses passos ou etapas, pelas quais o cliente deve passar de maneira progressiva para a tomada de decisão e conversão.

Para que isso ocorra é preciso seguir 4 a etapas.

1. Atenção!

O principal objetivo dessa primeira fase, é ganhar a atenção do visitante e faze-lo perceber a oferta.

Nessa fase o importante é despertar a atenção e a curiosidade dos seus possíveis clientes, para que desejem continuar vendo, escutando ou lendo você.

Essa técnica depende ainda do seu ramo de atuação, mas na maioria das vezes é baseada em design e nas chamadas ações, com figuras chamativas, cores destacadas, design bonito, boa experiência do usuário.

Os chamados Calls-to-Action, são muito importantes nessa etapa.

2. Interesse

Além de atrair a atenção do cliente, o objetivo é despertar o interesse do visitante. Para isso, informações em destaque como títulos, subtítulos, textos de banners, devem mostrar ao visitante que sua empresa possui algo que ele procura e que vale a pena.

Como fazer isso? Mantendo o fator surpresa, orientando o prospect até seu produto, salientando as vantagens e benefícios que ele proporciona ao cliente.

Uma regra interessante é falar nessa fase do seu produto, não de si mesmo. Busque sempre a novidade, a inovação, a criatividade, estímulos visuais e crie no cliente a necessidade de continuar prestando atenção em você.

Anúncios com palavras-chave em destaque costumam trazer excelentes resultados nessa fase.

3. Desejo

Ponto de maior concentração do consumidor nessa fase. As informações são analisadas com maior detalhe, o visitante observa se a oferta e sua empresa são de fato capazes de satisfazer suas necessidades, se é uma opção válida e confiável.

Coloque-se no lugar do cliente e tente responder a seguinte pergunta: O que há aqui para mim?

Sempre buscamos nos aproximar do prazer e nos distanciar da dor. Use isso a seu favor!

Mostre como funciona seu produto ou serviço, compartilhe depoimentos de clientes que alcançaram seus resultados desejados, crie a sensação de que já tem o que oferece… isso fará com que o cliente tenha o desejo de adquirir o seu produto ou serviço.

Uma dica importante: em conversão mais simples como download de e-book não é necessário ter depoimentos de usuários. Ícones que mostram o número de vezes que o material foi compartilhado nas redes sociais são suficientes para mostrar que o material vale a pena.

4. Ação

Nessa etapa o papel da empresa é não atrapalhar. Isso mesmo caro leitor, tendo instruções claras e objetivas do que fazer, mantendo um fluxo coerente de conversão e não exigindo informações sensíveis ou formulários longos, a conversão tende a acontecer.

É conhecida como a etapa da magia, onde se deve persuadir o cliente para que atue agora e sem demora. Não se trata de insistir muito, nem fazer “pressão”, porque isso com certeza pode irritar o cliente. Dê a ele razões convincentes para que ele compre.

Por isso, certifique-se de facilitar esse caminho, torne a experiência a melhor possível. Uma boa experiência é oferecer um site rápido, intuitivo, com informações importantes visíveis, tendo etapas simples de concluir. Nada de processos longos e cansativos.

O importante é saber que a AIDA, oferece mecanismos para conhecer melhor o comportamento do seu público, desde o momento em ele entra em contato com você até a conversão. Essa análise é feita através das técnicas citadas acima. As informações podem ser usadas para a melhoria contínua do seu negócio, aumentando as taxas de conversão, potencializando assim, seus resultados.

Espero que tenham gostado desse novo post, deixem aqui seus comentários e caso tenham alguma experiência real com essa técnica, nos brinde com seu conhecimento. Ate o próximo post!

FAÇA PARTE DO PROJETO

O Implantando Marketing visa a união dos profissionais das áreas de Marketing e Comunicação Empresarial e busca formas de divulgação e crescimento dessas áreas através da Implantação de Departamentos de Marketing e Comunicação em pequenas e médias empresas. Para isso, compartilhamos experiências e conhecimentos necessários aos profissionais e empreendedores que querem se beneficiar dessa Implantação. Envie o seu currículo e escolha um dos núcleos do projeto.

Deixe um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.