Sobre o alcance das postagens no Facebook

Há um ano e meio trabalho em uma empresa que possui conta no Facebook e faz divulgação através de anúncio nessa rede social. No começo, a empresa possuía um perfil ativo, já com o limite de amigos quase estourado e, quando atingiu cinco mil amigos, resgatamos uma Fan Page inutilizada já existente. Quando começamos a postar conteúdo na Página, havia somente pouco mais de 100 pessoas curtindo. Fazendo anúncios pagos, notei que rapidamente esse número subiu, alcançando quase nove mil curtidas.

Porém, após encerrar as campanhas com anúncios pagos, o número de curtidas parece ter estagnado e apenas algumas poucas novas pessoas têm curtido a Fan Page da empresa. Notei também que o alcance das postagens tem sido muito baixo, com pouca interação de pessoas curtindo e comentando os conteúdos.

Recentemente, fiz um curso de mídias sociais e uma das alunas comentou que, depois de ter impulsionado uma publicação através de pagamento, notou que o alcance das suas publicações não pagas diminuiu.

Outro dia, um amigo do trabalho teve quase 150 curtidas e dezenas de comentários em uma postagem sobre ter passado no processo seletivo de uma pós-graduação. E ele não tem mais que 850 amigos no Facebook. Aí eu fico pensando: como uma publicação de um perfil com 850 amigos pode ter mais alcance e interação que uma publicação de uma página com quase 10 mil pessoas? É claro que a relevância do conteúdo interfere na quantidade de pessoas que irão interagir com as postagens. Mas, quando tudo que você posta tem mais alcance se for pago, é porque tem alguma coisa estranha. Parece que o Facebook tem reduzido o alcance das publicações para “incentivar” as empresas a fazerem postagens e anúncios pagos. Além disso, estou começando a questionar o perfil das pessoas que curtem a página por causa de anúncios pagos, uma vez que apenas 20% dos amigos do antigo perfil da empresa também curtem a Fan Page.

Ainda considero o Facebook uma boa mídia para divulgação, mas tenho notado que a dificuldade de alcançar pessoas está cada vez maior. Você já teve uma experiência parecida? Se trabalha com redes sociais, o que está achando do alcance das suas publicações?

FAÇA PARTE DO PROJETO

O Implantando Marketing visa a união dos profissionais das áreas de Marketing e Comunicação Empresarial e busca formas de divulgação e crescimento dessas áreas através da Implantação de Departamentos de Marketing e Comunicação em pequenas e médias empresas. Para isso, compartilhamos experiências e conhecimentos necessários aos profissionais e empreendedores que querem se beneficiar dessa Implantação. Envie o seu currículo e escolha um dos núcleos do projeto.

Leave a Reply

5 comments

  1. Ola Juliana, é isso mesmo. Em tempos e tempos o Facebook atualiza os seus algorítimos. E as suas últimas atualizações vem exatamente no sentido de impactar de maneira considerável o alcançe das postagens. Eles vem diminuindo o alcance das postagens não pagas principalmente no que ser refere a FanPages. Pois o Facebook diferencia as postagens de perfil e Fanpage. Agora também com o aumento de pessoas utilizando o Facebook, conseguir um resultado esperado, fica cada dia mais complexo, pois e mais gente disputando o mesmo espaço. Então hoje para conseguir o mesmo resultado que conseguíamos a 03, 04, 05 meses atras temos muito mais trabalho

  2. Eliane Lages

    Ótima análise, Juliana!

    Acredito que essas mudanças que o Facebook realiza constantemente são essenciais para gerar uma melhora também no trabalho que os profissionais de comunicação e marketing realizam com a ferramenta. Elaborar um conteúdo cada vez melhor e mais relevante deve ser sempre nossa meta ao trabalhar com ele.

    Abraços, Eliane.

  3. Já reparei isso e até li um artigo recente sobre o assunto. Mas também é levado em conta o interesse dos fãs pelo seu conteúdo. Por exemplo, não senti queda de alcance dos meus posts na fã page do meu site Madonna Madworld, pelo contrário. No caso de fan pages de entretenimento, os fãs seguem as páginas, ao contrário de fã pages de empresas, marcas, eles curtem mas desmarcam a opção de seguir. Aí, só mesmo pagando para que a publicação apareça na timeline do internauta.

  4. Interessante artigo Juliana!

    E interessante os comentários do pessoal. Sigo poucas empresas no face e te digo que não curto os posts, sejam estes gratuitos ou pagos.

    O Face não é mais aquele hehehe e o que vale mesmo, é se divertir. E ser bombardeado de informação de produtos/serviços em seu “momento de lazer”, cansa um pouco, visto que estamos com o pensamento em várias (os) coisas ao mesmo tempo.

    Mas este é o grande desafio. E você está de parabéns pela análise.

    Abraço.

  5. Maitê

    Olá Juliana. Cuido das midias sociais da minha empresa e aqui acontece exatamente a mesma coisa. Após criar anuncios pagos o número de pessoas que curtem a pagina aumentou muito, porém, a interação não. Fico me perguntando se essas pessoas realmente recebem as novas postagens para continuar interagindo com a página.

    A estratégia atual é fazer com que os colaboradores se tornem propagadores da mensagem, desta forma, consegui aumentar mais os curtidores e melhorar um pouco a interação com a fanpage.