Destaque do mês: Roberto Massignan aponta os meios digitais como um desafio para as empresas

Roberto Massignan Neto é jornalista de formação pela Universidade Positivo do Paraná e um apaixonado por Marketing Digital e Social Media. Paixão que o motivou a realizar vários cursos sobre a área e definiu sua escolha pela especialização em Comunicação Online que cursa no FAE Centro Universitário, atualmente.

Associado do núcleo Twitter, do Projeto Implantando Marketing, há seis meses, Roberto Massignan foi eleito o destaque do mês de Maio por seu comprometimento, assiduidade e criatividade de suas postagens no Twitter do grupo. Nessa entrevista, Roberto revela que foi a partir de uma brincadeira feita por ele em uma página de humor, que gerou um excelente retorno no número de visualizações e compartilhamentos, que se tornou um Social Media. A brincadeira foi o estímulo necessário para que Roberto fosse buscar mais informações sobre alcance e modos de trabalhar essas ações de forma benéfica para as marcas.

Responsável pela gestão de redes sociais de quatro empresas, o analista de mídias aponta os meios digitais como uma oportunidade e um desafio para as companhias que ainda não estão acostumadas a esse tipo de interação, mais ágil e inovadora, com os consumidores; explica que as redes sociais devem ser utilizadas pelas empresas dentro de uma estratégia para alcançar um resultado mais expressivo e mensurável. Além disso, destaca que os meios digitais demandam cada vez mais que as empresas escutem ao invés de “gritarem” suas promoções e produtos. Confira!

Implantando Marketing: Para iniciarmos, conte-nos um pouco sobre você! O que faz e por qual motivo se declara um apaixonado por Marketing Digital e Social Media?

Roberto Massignan: Meu nome é Roberto, tenho 34 anos, sou formado em jornalismo e um tremendo apaixonado por automobilismo e marketing digital. Eu comemoro, como se fosse um gol do meu time do coração, quando uma ação é boa, seja ela um post, um vídeo viral, uma campanha ou um outdoor.  Acho fascinante a forma como o marketing digital nos permite estar perto dos seguidores. Quem nunca reparou no doodle temático do Google, ou naquele comercial que parece ter sido feito sob medida para os produtos que buscamos? Particularmente, não gosto de futebol americano, mas espero impaciente para assistir aos comerciais no intervalo do Super Bowl. Também sou um devorador de livros e, principalmente, dos conteúdos produzidos pela Martha Gabriel, Sandra Turchi e Tarcizio Silva, são eles os profissionais que tenho como referência em marketing digital.

Implantando Marketing: Quais foram suas experiências mais significativas no mercado de Social Media e também na área de jornalismo?

Roberto Massignan: Como jornalista, vivi de perto a maior crise do legislativo paranaense. Trabalhava como assessor de comunicação do 1º Secretário da Assembleia Legislativa quando estourou o escândalo de funcionários fantasmas. Também fui duas vezes responsável pela comunicação de campanha de um candidato a deputado estadual, eleito e reeleito como o mais votado do estado. Publiquei um livro sobre a história de minha cidade, “O Curitiba das Gentes”. Venho estudando as mídias sociais na internet há uns dois anos, nesse período fiz alguns cursos sobre Social Media em Curitiba, Marketing Digital na Esade Barcelona, Gestão das Mídias Sociais e Monitoramento na ESPM – São Paulo. Atualmente, faço pós-graduação em Comunicação Online e trabalho diretamente as redes sociais de quatro empresas. Em um cenário em que o Facebook tem reduzido cada vez mais o alcance orgânico das publicações é um enorme desafio manter as publicações alcançando de 35 a 50% da base de seguidores de forma orgânica.

Implantando Marketing: As novas mídias tem estimulado um novo comportamento no fazer jornalístico. Exigindo que esse profissional seja cada vez mais multifuncional e consciente de que não basta produzir conteúdo, é preciso também acompanhar a presença nas redes sociais (quantitativa e qualitativa), estimular o debate entre leitores e interagir com eles entre outras questões. Nesse contexto de que forma os seus conhecimentos e práticas como jornalista contribuem para o seu trabalho como analista de mídias sociais e vice-versa?

Roberto Massignan: As novas mídias permitem que as pessoas comuns tenham tanto poder quanto os grandes veículos de comunicação. Informação é poder. Se alguém ou um blog tiver um conteúdo de qualidade, se levar aos seus seguidores uma informação verdadeira, apurada e no timing certo as redes sociais contribuem alastrando esse conteúdo e impactando um grande número de pessoas. É toda uma nova forma de se comunicar e nesse contexto vemos, muitas vezes, pessoas comuns com canais no Youtube que tem mais visualizações do que os canais oficiais de grandes marcas; blogs com mais acessos que grandes redes de comunicação. O jornalismo e o bom senso contribuem para que eu procure sempre levar em consideração as partes envolvidas, que não me permita ser levado no calor da emoção por versões que “podem” ser verdadeiras, mas que não se sustentam.

Implantando Marketing: Estudo divulgado em 2012 pela consultoria Burson-Marsteller que analisou a utilização das redes sociais pelas maiores empresas do mundo, listadas na revista americana Fortune, destacou o Twitter como a plataforma mais popular, sendo utilizado por 82% das empresas analisadas. Em todo o mundo são mais de 241 milhões de usuários ativos por mês, 500 milhões de tuítes por dia. Em sua opinião, o que faz do Twitter uma rede tão atrativa para pessoas e empresas?

Roberto Massignan: A agilidade, quando algo de impacto ou de grandes proporções acontece é pelo Twitter que ficamos sabendo primeiro. Foi por ele que fiquei sabendo do atentado às Torres Gêmeas, quando apenas um dos aviões havia se chocado contra o prédio, e acompanhei ao vivo e em real time quando o segundo avião acertou a outra torre. Foi só um exemplo, mas que mostra o alcance dessa rede social.

Implantando Marketing: O Twitter tem como característica mais marcante a agilidade na transmissão de informações utilizando apenas 140 caracteres. Que desafios você vivencia diariamente ao produzir conteúdo informativo para o Twitter do Projeto Implantando Marketing?

Roberto Massignan: O desafio se resume a conseguir produzir um conteúdo de qualidade, que surpreenda, seja de valor, que agrade e, principalmente, ainda inédito para nossos seguidores. Tudo isso dentro dos 140 caracteres.

Implantando Marketing: Dados de uma pesquisa realizada pelo TNS Research International apontam que 90% das empresas no Brasil já realizaram algum tipo de ação na internet. Em sua avaliação, de modo geral, essas ações voltadas para os meios digitais são bem estruturadas e executadas pelas empresas? O que você destacaria como principais erros e acertos, sobretudo, no Twitter?

Roberto Massignan: O principal erro é quando as empresas tentam tornar o Twitter apenas uma ferramenta de SAC ou então quando ignoram as interações com os seguidores. Ainda existe muito espaço para inovação e as empresas que ocuparem essas lacunas terão os louros de serem reconhecidas. Exemplos claros são Pinguim do Ponto Frio no Twitter e a Prefeitura de Curitiba no Facebook.

O Ponto Frio foi a primeira empresa nacional em que realmente o Twitter impactou e contribuiu para o aumento das vendas. Com a criação de toda uma linguagem própria ele conseguiu conquistar muito mais do que clientes, ele formou uma legião de fãs. A Prefeitura de Curitiba também seguiu a mesma linha e quebrou o tabu de que administrações públicas não poderiam se utilizar de humor e de uma linguagem próxima a população.

O digital como um todo ainda é um desafio para as grandes marcas, ele exige agilidade, inovação, interação e antes de mais nada, ele demanda que as empresas escutem ao invés de “gritarem” suas promoções e produtos. No Twitter ou em qualquer outra rede social, as empresas precisam levar em consideração que não são mais apenas o que dizem que são, elas passaram a ser o que seus consumidores dizem.

Implantando Marketing: Twitter, Facebook, Instagram, Pinterest, Youtube, Blogs, Google+, dentre outras mídias sociais, são consideradas redes de oportunidade para negócios. Em sua percepção quais seriam os diferenciais de cada uma dessas mídias como ferramentas de marketing?

Roberto Massignan: Cada uma das mídias sociais tem suas particularidades e peculiaridades, é dentro dessas características únicas que temos que pensá-las para utilizá-las como ferramenta de marketing. Dificilmente se utilizaria o Facebook para apresentações, a rede normal para isso seria, dentre outras, o Slide Share. No Youtube, por exemplo, é normal se utilizar vídeos ao invés de textos curtos. Isso não quer dizer que uma ação bem planejada não possa utilizar as ferramentas de uma forma não habitual. É mais ou menos aquela brincadeira que diz que o Twitter pede para ser ouvido, o Facebook curtido, Youtube assistido, o Linkedin contratado, o Pinterest mostrado e por aí vai. Marketing digital vai além de uma ou outra ferramenta, ele é formado pelo conjunto de estratégias que formam a ação que irá aproximar as marcas de seus seguidores. No meu ponto de vista, o que diferencia as redes sociais são as estratégias adotadas por cada marca para cada uma das ferramentas.

Implantando Marketing: Como conheceu o projeto Implantando Marketing e o que o motivou a integrar a equipe do núcleo Twitter?

Roberto Massignan: Sempre utilizei o Twitter como forma de me manter atualizado e para buscar conteúdo, seguia o Implantando Marketing como um desses canais para buscar informações, novidades e conteúdo relevante. Achei incrível e uma ótima oportunidade de aprender quando vi uma publicação do projeto buscando novos colaboradores. Respirei fundo, cruzei os dedos e enviei meus dados. Quando soube do resultado comemorei abrindo uma espumante com o riso de orelha a orelha.

Implantando Marketing: De que forma o blog do projeto tem contribuído para o seu aprimoramento profissional e pessoal?

Roberto Massignan: Ele contribui com meu aprimoramento, porque me apresenta tendências, dicas, pesquisas e me obriga a buscar sempre novos conteúdos, a me manter atualizado, a ler sobre novos temas, pesquisar inovações e me manter cada vez mais ligado em um mercado que tudo pode mudar do dia pra noite.

FAÇA PARTE DO PROJETO

O Implantando Marketing visa a união dos profissionais das áreas de Marketing e Comunicação Empresarial e busca formas de divulgação e crescimento dessas áreas através da Implantação de Departamentos de Marketing e Comunicação em pequenas e médias empresas. Para isso, compartilhamos experiências e conhecimentos necessários aos profissionais e empreendedores que querem se beneficiar dessa Implantação. Envie o seu currículo e escolha um dos núcleos do projeto.

Leave a Reply to Nicolle Defonso Cancel Reply

11 comments

  1. Parabéns ao Roberto pelo ótimo trabalho e a Fernanda por ter conduzido muito bem a entrevista!

  2. Eliane Lages

    Ótima entrevista, Fernanda!

    Parabéns pelo empenho e dedicação no projeto, Roberto. Sucesso para vocês!

    Abraços, Eliane.

    • Obrigado Eliane, valeu o apoio e juntos somos mais!

  3. Parabéns Roberto pelo empenho e dedicação ao projeto.
    Grande abraço

  4. Izabela Reis

    Ótima entrevista. Parabéns ao Roberto pelo comprometimento ao núcleo e a Fernanda pela ótima condução da entrevista. Abraços

  5. Ueliton Pereira

    Parabéns Roberto pela entrevista.
    Falou com propriedade sobre as redes sociais. Parabéns por ser um profissional aplicado, mesmo que quando voluntário, como vemos no Twitter.

    Parabéns, também a Fernanda pela entrevista. Show!

  6. Valeu Izabela, obrigado pelo apoio. Em frente e avante sempre! Abraço

  7. Nicolle Defonso

    Adorei a entrevista!!! Muito boa!!!

  8. Eliane Mattar Cabrera

    A paixão pelo marketing digital fica muito clara na maneira como fala sobre o assunto. Sorte, sucesso e sempre em frente!