O Marketing direto é o canal de vendas do século XXI

O Marketing direto é uma especialização do marketing que trabalha com técnicas de propaganda e venda, de maneira dirigida ao receptor da mensagem, obtendo respostas rápidas, diretas e mensuráveis. Se contrapondo ao marketing de massa, o marketing direto tem o foco nas relações personalizadas.

O desenvolvimento do marketing direto e das vendas diretas está diretamente relacionado com as novas tecnologias, revolucionando a forma de comércio tradicional.

O comércio sem lojas, onde os distribuidores ou as indústrias vendem e entregam o produto diretamente para o consumidor final já é uma realidade, que chega tarde no Brasil, pois países como EUA, Japão, Alemanha e China já trabalham com esta estratégia de marketing há mais de 50 anos.

Existem algumas formas de comércio sem lojas: as de porta a porta, através de catálogos entregues por revendedores, infocomerciais, canais exclusivos na TV por assinatura, anúncios na TV aberta e o marketing de rede.

Como disse, a evolução da tecnologia em especial a internet e todas suas plataformas têm permitido a comercialização de bens e serviços por pessoas que não entendem nada de tecnologia ou até mesmo de informática.

E as grandes empresas do varejo já descobriram que é mais barato esta forma de comércio direto, pois deixa de ter uma loja física no centro da cidade e passa a ter 100 ou 1000 lojas espalhadas por todos os cantos da cidade, sem aluguel, sem encargos trabalhistas, abertas 24 horas por dia.

Estão entrando neste mercado o Magazine Luiza, que está de olho em 1 milhão de novos consumidores que levam em consideração a opinião de amigos e familiares para decidir a compra, por isso preferem a venda direta porque confiam no revendedor.

A DI Santinni empresa varejista de calçados é uma das que permite a abertura de uma loja virtual sem custos para o microempreendedor que chega a ganhar até 10% das vendas como uma franquia on-line.

Este será o canal de vendas do XXI.

Ninguém discute a importância do revendedor no processo de vendas diretas, mas pensando em dar mais conforto para seus clientes a gigante Avon criou canais para os revendedores, como o Folheto Avon Online, Vitrine da Beleza Avon, além do espaço para o cliente fazer os pedidos diretamente com um revendedor.

Outra que aposta forte nesta tendência é a Natura, que além da sua loja virtual tem a Rede Natura, através de consultores digitais. Para fechar a compra o cliente precisa escolher qual consultor receberá a comissão pela indicação dos produtos.

Existem outras empresas que já estão trabalhando com está estratégia há mais de 40 anos no Brasil, mas acredito que o momento econômico e politico que estamos vivenciando está abrindo as portas para este segmento de marketing.

Em países como os EUA e Japão, que já passaram por momentos de crise, a média é que de 10 famílias 8 desenvolvem alguma atividade de venda direta.

Mas, como no Brasil nem tudo é tão sério, antes de pensar em desenvolver ou criar um canal de vendas diretas para sua empresa, assista ao vídeo da Abevd Associação Brasileira de Empresas de Venda Direta.

Gostou? Se interessou pelo assunto? Então, comente e compartilhe com seus amigos.

Mas, antes de sair da página lembre-se de votar no Blog para prêmio Top Blog Brasil 2015.

O blog do projeto Implantando Marketing está concorrendo ao Prêmio Top Blog Brasil 2015. Se você curtiu este post, clique aqui e vote!

FAÇA PARTE DO PROJETO

O Implantando Marketing visa a união dos profissionais das áreas de Marketing e Comunicação Empresarial e busca formas de divulgação e crescimento dessas áreas através da Implantação de Departamentos de Marketing e Comunicação em pequenas e médias empresas. Para isso, compartilhamos experiências e conhecimentos necessários aos profissionais e empreendedores que querem se beneficiar dessa Implantação. Envie o seu currículo e escolha um dos núcleos do projeto.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.