Os profissionais brasileiros são éticos?

Em meio a tantos escândalos nas instituições públicas deste país é natural nos questionamos sobre quem é ético e quem não é. E por isso, se torna tão importante falar sobre ética entre os profissionais brasileiros e esta temática dá muito pano pra manga, não é mesmo? 

Pois é, este assunto está, direta ou indiretamente, nas conversas de todos no momento. E pôr ética e profissionais brasileiros no mesmo assunto, realmente da muito o que falar. A ideia é apresentar aqui alguns dados sobre este contexto, para que possamos acrescer o nosso senso critico. Então, vamos lá!

Brasileiros ficam calados ao presenciar algo antiético no ambiente de trabalho?

Infelizmente, é verdade. E de acordo com dados da pesquisa do CPDEC (Centro de Pesquisa, Desenvolvimento e Educação Continuada), realizada em 2015 com mais de 800 profissionais, nada menos que 90% dos entrevistados se calariam se observassem uma conduta inapropriada no ambiente de trabalho.

Um dado alarmador, não acha? Mas, que reflete muito o cenário que vivemos em nosso país, onde a discussão sobre o tema está bem inflamada.

Ainda de acordo com a pesquisa, a negligência está entre as razões que levam os profissionais brasileiros a silenciarem diante do “não ético”, mas não é a única razão:

  • 92% temem a quebra da confidencialidade e;
  • 94% não acredita que alguma medida corretiva seria aplicada.

Ou seja, muitas pessoas podem até querer fazer o que é “correto”, mas receiam se prejudicar no trabalho, ou até mesmo perder o emprego.

Se identificou com esses 90% que não reportaria a conduta antiética?

Você sabe qual o benefício da ética no trabalho?

A ética no ambiente de trabalho proporciona ao profissional um exercício diário e prazeroso de honestidade, comprometimento, confiabilidade, entre tantos outros, que o conduzem tanto na tomada de decisões como no processo de convivência. Ao final, a recompensa é ser reconhecido, não só pelo seu trabalho, mas também por sua postura ética, de valores e conduta exemplar.

Já que o profissional se sente acuado, e teme por uma represália, como ele pode denunciar uma ação antiética?

Na pesquisa que citei do CPDEC, 66% das empresas possuem e oferecem ferramentas anônimas para que seus funcionários possam reportar as condutas antiéticas de uma maneira confortável pra ele.

Mas, você pode estar se perguntando: que critério vai determinar se a atitude do colega é ética ou não, “minhas crenças sobre moral e ética”?

Respondo que não, até porque cerca de 76% das empresas, entre públicas e privadas, possuem códigos de ética, e eles vão servir como parâmetro para qualquer ação dentro da organização. Seja ela para procedimentos internos, como para correção e adequação de conduta.

Pratique atitudes éticas no ambiente de trabalho!

Vou citar algumas para praticarmos:

  • Cooperação e atitudes que visam à ajuda aos colegas de trabalho;
  • Divulgação de conhecimentos que possam melhorar o desempenho das atividades realizadas na empresa;
  • Respeito à hierarquia;
  • Busca de crescimento profissional sem prejudicar outros colegas de trabalho;
  • Ações e comportamentos que visam criar um clima agradável e positivo dentro da empresa como, por exemplo, manter o bom humor;
  • Realizar no ambiente de trabalho apenas as tarefas relacionadas ao trabalho;
  • Respeito às regras e normas da empresa.

E gostaria de dizer também que, assim como a as pessoas são únicas, o conceito ético também é, cada um tem a “sua” ética… Porém, vivemos em sociedade que é composta por suas regras de condutas éticas. Então, devemos apenas respeitá-las.

Espero que essa reflexão seja útil e que você compartilhe em suas redes sociais.

É uma honra ter você como leitor e colaborador em nossas pautas. Além dos artigos que escrevo para o IMKT, os temas mais comentados e sugeridos são discutidos também na rádio CBN Recife, e através das minhas lives semanais sobre carreira em minha pagina (www.facebook.com/juliopascoalpalestrante) de forma bem descontraída e informativa. Deixe seu comentário e faça suas sugestões de temas sobre carreira.

 

Até a próxima e #vivalavida!!!

FAÇA PARTE DO PROJETO

O Implantando Marketing visa a união dos profissionais das áreas de Marketing e Comunicação Empresarial e busca formas de divulgação e crescimento dessas áreas através da Implantação de Departamentos de Marketing e Comunicação em pequenas e médias empresas. Para isso, compartilhamos experiências e conhecimentos necessários aos profissionais e empreendedores que querem se beneficiar dessa Implantação. Envie o seu currículo e escolha um dos núcleos do projeto.

Leave a Reply