Posso fazer uma campanha de incentivo só para alguns?

Campanhas de incentivo bem planejadas e executadas certamente trazem benefícios para a empresa e seus colaboradores. E quando queremos fazer uma campanha somente com parte das equipes, envolvendo somente alguns colaboradores? É possível pensar em uma campanha assim? Como funciona a legislação trabalhista? De que forma deve ser feita a comunicação? E o principal: os ganhos com os envolvidos vão ser maiores do que a perda com os não envolvidos?

Legislação trabalhista:
A legislação trabalhista diz que uma campanha de incentivo, dentro das regras e formalidades, é uma prerrogativa da empresa, isto é, a empresa pode definir seu foco, sua duração, os prêmios envolvidos e inclusive quais serão os participantes. Inclusive, como dito em artigo anterior, pode cancelar esta campanha no meio.

Comunicação
A empresa deve restringir, dentro do possível, a comunicação nas áreas dos participantes, concentrando material de divulgação, motivação e demais peças nos locais físicos e virtuais de acesso somente das equipes que estão fazendo parte desta campanha. Isso mostra uma maior sensibilidade da empresa, pois, mesmo que toda empresa saiba da campanha, não será produtivo para todos se a mensagem ficar aparecendo constantemente para colaboradores que estão fora das ações. Isso tem mais relação com a desmotivação dos demais do que com a participação dos convidados, mas certamente pode se tornar um foco de boicote e insatisfação. Se a empresa conseguir desenvolver sua comunicação de endomarketing da forma correta , certamente os benefícios serão positivos.

Risco X Retorno
É muito difícil mensurar o risco com campanhas parciais, pois os envolvidos podem agir com menos envolvimento e engajamento, caso percebam que os não convidados estão insatisfeitos e existe um forte sentimento de rejeição. Por outro lado, quando atuamos em áreas bem distintas, como equipes comerciais e setores de produção, os riscos tendem a serem menores, pelo menor contatos entre as pessoas.

De uma forma geral, o ideal é desenvolver ações onde pessoas que se relacionem no cotidiano da empresa e tenham codependência de trabalhos, tarefas e resultados, participem das ações e resultados, mesmo que de forma diferente. Isso certamente contribui para o aumento do engajamento e melhora nos resultados alcançados, ao focar não apenas no incentivo mas também na motivação.

FAÇA PARTE DO PROJETO

O Implantando Marketing visa a união dos profissionais das áreas de Marketing e Comunicação Empresarial e busca formas de divulgação e crescimento dessas áreas através da Implantação de Departamentos de Marketing e Comunicação em pequenas e médias empresas. Para isso, compartilhamos experiências e conhecimentos necessários aos profissionais e empreendedores que querem se beneficiar dessa Implantação. Envie o seu currículo e escolha um dos núcleos do projeto.

Leave a Reply to Priscila Stuani Cancel Reply

1 comment

  1. Excelentes observacoes e pontos importantes a serem levados em conta!

    Sou totalmente a favor das áreas de marketing, publicidade, e afins estarem cientes dessa questao juridica, que faz parte das acoes realizadas pela organizacao, ninguem precisa ser advogado, mas tem muita coisa que dá para evitarmos se conhecermos o minimo das legislacoes e normas.

    Abracos

    -1