Qual o perfil ideal de uma profissional de Startup?

profissionalApresentei nos artigos anteriores a definição de Startup e no segundo post como ela é constituída. Dando continuidade sobre o assunto, neste post apresentarei o perfil dos profissionais que trabalham em uma Startup.

As Startups pedem um perfil específico de profissional, que deve ser levado em conta na hora de decidir como direcionar a carreira para esse ramo novo. Uma das características desse tipo de negócio é o alto risco. Se não der certo rapidamente, o projeto pode acabar e o profissional ficar desempregado. Estatísticas apontam que nove em dez Startups fecham antes mesmo de dois anos de existência.

Os interessados em trabalhar em uma Startup, devem ser profissionais que aceitem trabalhar em muitas posições diferentes na empresa. Sabem do risco e aceitam o desafio de empreender em cima de uma ideia que poderá ou não ser consolidada no mercado. Para aqueles que aceitam o desafio, os ganhos são enormes, tanto na área financeira como na área de crescimento profissional, tornando-os profissionais mais completos.

Possuem ainda, perfil empreendedor, independência e capacidade de assumir múltiplas responsabilidades em um projeto e conhecer muito bem a área que desejam assumir. Um dos maiores erros apontados, por especialistas na área, é a falta de conhecimento sobre o assunto que envolve o projeto que o profissional vai assumir. Cada projeto é único e deve ser estudado e conhecido por todos os integrantes.

Outras características são a proatividade, foco e produtividade. Ser organizado para a realização do trabalho remotamente – devido as Startups não possuírem escritório em sua concepção, dando ao profissional a possibilidade de trabalho home office.
Pelo fato de estar concentrado em ter bons resultados, o profissional deve saber lidar com a pressão, que é muito maior do que na estrutura convencional e horizontal que é conhecido as estruturas das empresas.

Quem é o chefe?

Uma das maiores diferenças sentidas é a desburocratização dos serviços. Por serem empresas muito enxutas no começo, as startups não possuem hierarquia, muito menos uma lista de atividades definida a cada membro. Todos fazem de tudo. É parte fundamental para que o empreendimento alcance as metas desejadas.

O profissional que precisa de um líder para a tomada de decisão ou coordenar suas atividades, deve se perguntar se é realmente isso que deseja em sua carreira, antes de assumir os riscos de um projeto como esse. Diferente de uma empresa horizontal, a Startup tem o olhar de todos, como donos do negócio.

A vantagem para quem se adapta a essa nova “realidade” empreendedora, é poder sugerir novos caminhos na empresa, participar assim da tomada de decisão efetiva e possuir mais autonomia para lidar com responsabilidades. Quem possui sucesso nesses setores, tem mais chance de alavancar a carreira em um curto espaço de tempo.

Espero que com esse post, tenha elucidado um pouco mais sobre Startup, e os profissionais que atuam nesse setor da economia que mais cresce atualmente. Até os próximos posts!

FAÇA PARTE DO PROJETO

O Implantando Marketing visa a união dos profissionais das áreas de Marketing e Comunicação Empresarial e busca formas de divulgação e crescimento dessas áreas através da Implantação de Departamentos de Marketing e Comunicação em pequenas e médias empresas. Para isso, compartilhamos experiências e conhecimentos necessários aos profissionais e empreendedores que querem se beneficiar dessa Implantação. Envie o seu currículo e escolha um dos núcleos do projeto.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.