É… o marketing das empresas deve ficar atento a algo que parece passatempo de criança, coisa boba e que não afeta os negócios: as redes sociais.

Cada dia que passa, vemos que as mídias sociais como o Twitter, Youtube e o Flickr juntamente com as redes sociais Orkut, Facebook e My Space estão dando cada vez mais voz e vez para pessoas que desejam “botar a boca no trombone” contando suas indignações publicamente.

É a nova arma do povo, que se potencializa pela união, quase como aquelas manifestações que reuniam milhares de caras pintadas, hoje acontecem várias revoluções em menor escala, mas com valor semelhante de mobilização social por uma causa comum. Pessoas divulgam suas insatisfações sobre certas empresas e seus amigos comentam gerando um buzz marketing online compartilhado em grupos pequenos que podem crescer e tomar proporções incontroláveis. Aí que nós profissionais de marketing devemos cuidar para que nossa empresa saiba lidar com esses burburinhos que podem aparecer na rede.

O segredo é monitorar as redes sociais constantemente, tratando a reputação da empresa com maior importância que o próprio lucro imediato. Isto é, o bom relacionamento com os clientes é um valor importante para a empresa, valoriza com o passar do tempo.

O papel do marketing para mim se resume em cuidar da imagem e da reputação da empresa, pois o restante é conseqüência disso. Devemos tratar as redes sociais com ainda mais respeito e profissionalismo, pois uma mancha feita na internet nunca se apaga. Multiplica e arranha a marca de tal forma que não há marketing que salve a percepção negativa que fica. Como nossa empresa é percebida nas redes sociais? Você alguma vez já monitorou o que é falado sobre ela? Coisas boas? Parabéns, retuíte, compartilhe, envie scraps. Agora, caso contrário, limpe toda gotinha de mancha, qualquer pequeno comentário ruim pode virar o motivo de alguém não comprar de você, lembrando que na internet tudo se potencializa. Seja o defensor de sua marca como um torcedor fanático, torça, grite, defenda ganhando ou perdendo, se apaixone, vista a camisa também nas redes sociais. Responda as reclamações rapidamente, em silêncio, e compartilhe os elogios publicamente e em todas as redes possíveis. Como sempre digo, percepção é tudo, seja percebido sempre da melhor forma: positivamente.

Faça das redes rociais uma ferramenta eficiente de marketing, use-a a seu favor criando uma marca forte e com credibilidade! Pense nisso!

FAÇA PARTE DO PROJETO

O Implantando Marketing visa a união dos profissionais das áreas de Marketing e Comunicação Empresarial e busca formas de divulgação e crescimento dessas áreas através da Implantação de Departamentos de Marketing e Comunicação em pequenas e médias empresas. Para isso, compartilhamos experiências e conhecimentos necessários aos profissionais e empreendedores que querem se beneficiar dessa Implantação. Envie o seu currículo e escolha um dos núcleos do projeto.

Leave a Reply to Juliana Nogueira Cancel Reply

1 comment

  1. Juliana Nogueira

    >O problema das empresas é que muitas delas colocam pessoas despreparadas para monitorar as redes sociais. A pessoa responsável por monitorar as mídias digitais tem que estar em sintonia com a cultura e com o discurso da empresa.