Tinder do Emprego. Afinal, o que é essa ferramenta?

Olá a todos! Ano novo, vida nova como muitos falam. Por falar em vida nova, quer melhor representação do que aquele emprego que se busca no mercado e não encontra? Bom, na era dos apps, um deles promete solucionar essa questão: o Empreguei. Esse app, criado por Marcio Furtado é uma Start-up que funciona similar ao Tinder, ou seja,o usuário da match a vaga de emprego anunciada no app.

A ideia surgiu em 2015, quando Furtado percebeu a carência que candidatos e empresas possuíam para se encontrarem e preencherem a vaga com a mão de obra adequada. O mercado brasileiro possui cerca de 75 milhões de pessoas na força de trabalho e 7 milhões de empresas. O mercado de recrutamento e seleção gera cerca de 40 bilhões de reais por ano. Percebendo isso, Furtado que empreendia numa plataforma de software financeiro, chamou dois sócios: Felipe Israel e Fernando Gomes.

Até hoje, os sócios, amigos e familiares já desembolsaram a quantia de R$700 mil reais. Massificandooa pergunta: Como isso funciona? Simples caro leitor! O app é uma mistura de LinkedIn, Salesforce e Tinder, onde o candidato se cadastra gratuitamente na plataforma e visualiza as vagas disponíveis, tendo possibilidade de acesso via desktop como também através do Android.

O diferencial do Empreguei, segundo seus idealizadores, e buscar a vaga compatível ao perfil de cada usuário. além do candidato fornecer as informações sobre sua vida profissional e pessoal, ele pode descobrir se o perfil dele e mais gerencial ou técnico.

As empresas cadastradas recebem uma lista de candidatos para entrevista, sendo que, o candidato recebe uma colocação dentro da plataforma que monta o ranking com base nas informações fornecidas e no teste vocacional. A plataforma possui processo 100% online, sem a necessidade de envio de anexos, como os costumeiros currículos. Quem se identifica com a vaga, caminha para a entrevista pessoal. Além da curadoria de candidatos, a plataforma promete a rapidez na seleção.

Em sua operação inicial, o Empreguei alcançou 4 mil candidatos e 400 empresas, com seu início de atividade em agosto de 2016. Nos dias de hoje, são cerca de 16 mil candidatos, 1600 empresas – média de 10 candidatos por empresa-escola, ofertando cerca de 200 vagas. Alguns negócios que estão na plataforma são as empresas de padaria, imobiliária e seguro. As vagas publicadas na plataforma tem o custo operacional de R$ 79,00 por vaga publicada. Em um ano e quatro meses de vida, 220 candidatos foram contratados, 2000 entrevistas realizadas e 4000 Marches feitos em vagas.

Caso estejam procurando emprego, ou queiram mudar de ramo, vale a pena conferir essa ferramenta que auxilia na colocação profissional. Fica aberto para quem fizer o cadastro e seja contratado, nos contar essa experiência na prática. Até o próximo post.

FAÇA PARTE DO PROJETO

O Implantando Marketing visa a união dos profissionais das áreas de Marketing e Comunicação Empresarial e busca formas de divulgação e crescimento dessas áreas através da Implantação de Departamentos de Marketing e Comunicação em pequenas e médias empresas. Para isso, compartilhamos experiências e conhecimentos necessários aos profissionais e empreendedores que querem se beneficiar dessa Implantação. Envie o seu currículo e escolha um dos núcleos do projeto.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.