Acredito que todos ouviram falar ou já utilizaram o e-commerce.

E-commerce é o mesmo que comércio eletrônico que no início encontrávamos para compras de livros, aparelhos eletrodomésticos e começou a crescer para vendas de produtos de alto valor agregado casas, iates, aviões, obra de arte, supermercados entre outros que você já acessou por aí.

Alguns anos atrás o e-commerce era uma tendência para os mineiros. Agora é pura realidade no ramo alimentício, mais especificamente em supermercados.

E nao são apenas os jovens consumidores a justificam o investimento na criação de um braço eletrônico de venda de supermercados. De acordo com o BSO, o maior percentual das compras de supermercado delivery, 37%, é originado pelo grupo de consumidores com idade entre 25 a 34 anos (Geração Y/ Milênio). Porém, o crescimento destacado foi o dos consumidores com mais de 65 anos. Pelo menos 25% desse público informou ter realizado compras de supermercado online (Revista Gôndola, Agosto 2018).

Para você que deseja empreender! O que acha de pensar em um modelo de negócio virtual? Pode ser um bom começo, devido ao hábito de vida e o comportamento do consumidor que tem mudado com certa velocidade. Com isso as práticas de compras no e-commerce tem tornado uma rotina diária.

Bom o objetivo deste artigo é instigar muitos gestores de negócios a investir neste segmento.

Há pouco tempo vivenciei na prática a criação de um e-commerce, por isso, quero deixar algumas dicas para quem pretende montar um e-commerce.

Dicas?

  • Encare a montagem do e-commerce como se fosse a montagem de uma empresa física (a dedicação e cuidados são os mesmos).
  • Defina os produtos que serão vendidos.
  • Contrate um profissional ou busque fontes para desenhar o seu e-commerce antes de executar a programação na plataforma.
  • Contrate fotógrafo profissional para produzir as fotos.
  • Invista em um estratégia de marketing digital para promover o e-commerce.
  • Não faça o usuário pensar demais sobre o que significa determinada função no e-commerce.
  • Ao fazer testes no e-commerce: escute as pessoas, observe.
  • Importante definir tudo com muita estratégia e calma para evitar o retrabalho na reprogramação do e-commerce.

Lembre-se sempre, o e-commerce é um ponto de venda. Então! Precisa de atrativos de promoções, botões de compre aqui, banners sedutores e, se possível, um chat para esclarecer as dúvidas do consumidor!

Ahhh é super importante também ter uma descrição interativa e clara de cada produto exposto.

Bom negócio para você!

FAÇA PARTE DO PROJETO

O Implantando Marketing visa a união dos profissionais das áreas de Marketing e Comunicação Empresarial e busca formas de divulgação e crescimento dessas áreas através da Implantação de Departamentos de Marketing e Comunicação em pequenas e médias empresas. Para isso, compartilhamos experiências e conhecimentos necessários aos profissionais e empreendedores que querem se beneficiar dessa Implantação. Envie o seu currículo e escolha um dos núcleos do projeto.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.